Capa artigo

Alternativas para formulações de bebidas mais saudáveis

O hábito de consumir bebidas e extratos de frutos tem origem milenar. Existem evidências de sua extração ao redor de 8.000 a.C., com possível finalidade de produção de vinho.

Nos séculos XVI a XVIII, graças a satisfação de beber sucos de frutas atrelados ao aprofundamento dos benefícios nutricionais das bebidas, houve uma grande difusão do seu consumo.

Em meados do século XX, foram aprimoradas as tecnologias para o segmento, visando preservar as características sensoriais e minimizar o risco de contaminação microbiológica.

Ao longo dos anos a produção de bebidas evoluiu em relação às tecnologias e mercado, assim como os hábitos de consumo e demandas dos consumidores sofreram algumas mudanças.

Mercado e tendências

A indústria de bebidas possui um papel importante na economia brasileira.  Segundo dados do IBGE, a produção de bebidas não alcoólicas estava em processo de retomada a partir de 2017 após dois anos de queda. Com a pandemia de COVID-19, em 2020 houve uma redução de 0,7% na produção, em relação a 2019.  A fabricação de refrigerantes correspondeu a 69,3% do total produzido em 2020.

As medidas de isolamento e os fatores econômicos trouxeram mudanças nos hábitos de consumo de bebidas. Além disso, a chegada da pandemia também influenciou na aceleração de algumas tendências para o setor, como a busca por produtos mais saudáveis e clean label.

As novas regras de rotulagem, assim como as preocupações dos consumidores com a saúde, bem-estar e redução no consumo de açúcar, abriram espaço para as marcas de bebidas lançarem produtos que correspondam aos novos hábitos dos consumidores.

Além disso, para atrair os consumidores, cada vez mais é necessário investir na criação de bebidas indulgentes e inovadoras, ricas em sabores e ingredientes de alta qualidade que proporcionem novas experiências.

Tecnologias para bebidas

A DAXIA possui um portfólio completo de matérias-primas e especialidades que atendem as mais diversas aplicações de bebidas.

São ingredientes de alta qualidade e performance, que aumentam o frescor, sabor, agregam textura e estabilidade nas formulações, além de atenderem as principais tendências do mercado e demandas dos consumidores.

Substituição de açúcar

Para bebidas com redução de açúcares, a DAXIA desenvolveu a linha DOCEMIX, que permite a substituição total ou parcial de açúcares, sem deixar sabor residual em refrigerantes, sucos, néctares, bebidas proteicas, entre outros.

Dentre os produtos da linha, o DOCEMIX DA 15, proporciona maior dulçor que a sacarose, resistência a altas temperaturas, além de adicionar fibras nas formulações.

Fibras funcionais

As fibras solúveis e prebióticos são uma ótima opção para atender as demandas por bebidas mais saudáveis e funcionais.

A Inulina é uma fibra solúvel encontrada de forma abundante nas raízes da chicória. Não digerida pelas enzimas intestinais é um prebiótico com propriedades funcionais, considerado como um dos principais substratos da microbiota intestinal.

A Polidextrose é uma fibra alimentar solúvel, frequentemente utilizada em sucos, por sua capacidade de agregar corpo e de adoçar. Proporciona um sabor agradável em bebidas e baixa densidade calórica (1 cal/g). Assim como a Inulina, a Polidextrose também possui propriedade funcional.

Em fórmulas com teor 0% de açúcar, as fibras permitem agregar corpo sem interferir nas propriedades sensoriais da bebida. Também apresentam a vantagem de não agregar valor calórico aos produtos, pelo fato de não serem metabolizadas pelo organismo.

Produtos que contém fibras possuem um grande valor nutricional e alinhados a uma dieta balanceada, podem contribuir para a redução dos níveis de triglicerídeos e de colesterol. Além disso, melhoraram a absorção de minerais como ferro e cálcio. Podem ser aplicadas em refrigerantes, chás, sucos, etc.

Sobre a DAXIA

A DAXIA possui uma ampla linha de produtos para a formulação de bebidas, como conservantes, acidulantes, antioxidantes, edulcorantes, espessantes, estabilizantes e corantes.